O mercado de sorvete vive em constante expansão, apresentando-se como uma opção atraente para empresários que buscam um setor estável para investir. Basta dar uma volta pela sua cidade e você vai entender esse cenário: são opções de sorveteria, gelateria, açaís… Enfim, existem variedades para quem deseja abrir um negócio no ramo.

Essa variedade acontece porque o brasileiro ama sorvete. Basta um solzinho mais forte, que a ideia já vem à cabeça: “hoje um sorvete cai bem”. Mais do que apreciar, essa ideia tornou-se uma forma de socialização, visto que é uma opção deliciosa, refrescante e acessível a todos. O convite “vamos tomar um sorvete?” une o útil ao agradável.

Então será que vale a pena investir na venda de sorvete? No post de hoje, você vai ter a resposta para essa pergunta, e de quebra ainda vai conhecer as variedades de sorvete para decidir em qual deles apostar nas vendas. Acompanhe!

Vale a pena investir na venda de sorvete?

Em países com clima tropical ou subtropical, é muito comum as pessoas buscarem alternativas para se refrescar do calor intenso. Um mergulho na praia, um banho de mangueira, um sorvete bem geladinho… tudo isso entra na rotina nas épocas mais quentes do ano.

Quando o assunto é sorvete, estamos falando de nada menos do que da sobremesa favorita dos brasileiros, visto que as altas temperaturas permanecem durante praticamente o ano inteiro. Por conta disso, é comum nos depararmos com estabelecimentos do segmento cheios de clientes, em qualquer horário do dia.

Mas se existem tantos comércios no ramo, vale a pena investir no mercado de sorvetes? 

A resposta é: sim. O mercado está em expansão e, por isso, abrir um negócio desse setor pode proporcionar lucros significativos. O consumo de sorvetes teve um aumento considerável nos últimos anos de acordo com a Associação Brasileira das Indústrias e do Setor de Sorvetes (Abis), e por isso trata-se de uma ótima oportunidade de investimento para os micro e pequenos empreendedores.

No entanto, como é um nicho bastante concorrido, é importante conhecer os principais tipos de sorvete e quais as tendências da área, visando escolher a mais rentável.

Segundo a pesquisa de uma empresa internacional de inteligência de mercado, o surgimento de novas variedades do alimento, como os orgânicos, veganos e gourmet, vão impulsionar esse mercado. A previsão é um crescimento de mais de 80% até 2020.

Para você que está interessado em iniciar as vendas da sobremesa mais famosa entre os brasileiros, conheça os tipos de sorvete e escolha em quais investir!

Tipos de sorvete para investir

Todo investidor deve conhecer bem o leque de possibilidades para então escolher o que é mais viável. O que não falta, nesse segmento, é público-alvo: desde aqueles que preferem um sorvete mais tradicional, até o público fitness, vegano, ou que está apenas buscando novidades. Aí, a opção de vendas é imensa.

Por isso, existem muitas possibilidades para abrir um negócio nesse segmento. Faça uma análise aprofundada sobre cada opção e aposte na criatividade para atrair clientes. Depois, é só seguir nosso passo a passo para abrir sua sorveteria.

Veja os principais tipos de sorvete:

Sorvete de massa industrializado: esse é um clássico que nunca sai da moda. Por sua textura cremosa e suave, que mescla entre o sólido e o líquido, o sorvete de massa é uma paixão entre os brasileiros.

Você pode vender em potes, como aqueles que encontra no supermercado, ou em buffet, como os que encontra na sorveteria.

Sorvete Gelato (Italiano): esse sorvete é preparado com ingredientes frescos, sem o acréscimo de gordura em sua composição – a única gordura é a do leite. Sendo assim, esse é mais natural do que o de massa tradicional, sendo uma opção mais saudável.

Seus ingredientes são simples: água, açúcar, leite e sabor.

Sorbets: trata-se de uma opção vegana e refrescante. Essa opção é semelhante ao Gelato, mas, em vez de leite, é feito com água. Sendo assim, ele não possui nenhuma gordura em sua composição, seja de origem animal ou vegetal.

Sua consistência é próxima à raspadinha, com a presença de pequenos cristais de gelo. É muito refrescante!

Picolé ou paleta mexicana: essa opção é muito interessante para os vendedores ambulantes, pois é facilmente armazenada e transportada. O custo de produção é baixo e você pode vender em grandes quantidades.

A paleta mexicana é uma versão diferenciada do picolé, sendo mais pesados e também recheados com diversos sabores deliciosos. Muitos são feitos com a própria fruta, em uma versão natural. Por isso, o gosto é diferenciado e é a primeira opção de muito cliente.

Frozen yogurt: visto como uma alternativa no time dos saudáveis, ele é feito com iogurte e leite, mas não é 100% natural, pois há emulsificantes em sua produção.

Sorvete de açaí: uma opção diferenciada que está uma febre no Brasil é o Açaí, em forma de polpa ou em sorvete. Ele costuma ser mais gelado do que o sorvete de massa e, por isso, é a preferência nos dias mais quentes, e fica ótimo complementado com frutas e doces diversos.

E mais: essa opção é super saudável e energética, atendendo aos mais diferentes perfis: desde os atletas, que gostam de comidas fitness e saudáveis, até quem busca apenas um alimento saboroso e refrescante.

E aí, qual dessas opções vai escolher para investir em sua sorveteria? Aqui, na Castellmaq, você encontra os melhores equipamentos para sorveteria: máquina de sorvete, carrinho, freezer e muito mais. Confira e gere lucros nesse negócio!

Powered by Rock Convert