Os proprietários de supermercados, restaurantes e outros tipos de estabelecimentos que trabalham com a venda de alimentos, devem estar sempre preocupados com o bem-estar e a saúde de seus clientes. Por isso, saber como higienizar verduras, frutas e itens de hortifrúti em geral é muito relevante para o setor.

Afinal, se o cliente percebe que os produtos não estão devidamente limpos e bem conservados, não fará a compra, o que pode acarretar em problemas maiores, como as verduras perecerem antes de serem compradas e consumidas.

Foi pensando nisso que desenvolvemos o post, apresentando um passo a passo sobre como higienizar verduras. Ficou interessado? Quer aprender a melhor maneira de fazer isso no seu estabelecimento? Então, continue a leitura e confira todas as nossas dicas!

Faça a classificação das verduras

O primeiro passo do processo de higienização de verduras é a classificação, em que deve ser feita uma escolha para que as unidades estragadas ou amassadas sejam retiradas do grupo, de modo que outras não sejam contaminadas por bactérias, por exemplo.

A classificação é um passo muito importante no processo de higienização de verduras, pois esses produtos são altamente perecíveis e podem ser contaminados muito facilmente, causando prejuízos para o estabelecimento que os comercializa.

Em alguns supermercados de maior porte é comum que exista um setor trabalhando no estoque — apenas para fazer essa seleção dos produtos bons e de descarte dos ruins.

Lave as verduras em água corrente

Em seguida, deve ser feita uma lavagem em água corrente, para que toda a sujeira, como terra acumulada, sejam retiradas das verduras. Vale destacar que hortaliças, como a alface, precisam ser lavadas folha por folha para que seja garantida limpeza total.

Alfaces, couve e outras verduras compostas por folhas também podem servir de alojamento para insetos, por isso a lavagem minuciosa não pode ser deixada de lado, para que os clientes não tenham sensações desagradáveis no momento do consumo.

A água utilizada na lavagem das verduras não pode ser reutilizada em outros processos que envolvam higienização, pois os microrganismos retirados podem permanecer vivos no líquido.

Escove as verduras levemente

Verduras maiores, como a cenoura e a berinjela, e que não são compostas exclusivamente por folhas ainda podem ser escovadas, com uma escova ou esfregão macio.

A escovação contribui para a eliminação total de bactérias e outros microrganismos, porém deve ser feita com leveza, para não causar danos às verduras.

Itens menores e que podem ser danificados no processo de escovação, como o brócolis, não precisam passar por essa etapa, pois ficariam despedaçados e poucos atraentes para a venda.

Mergulhe as verduras em uma solução com água sanitária

Em uma tigela ou bacia grande, coloque as verduras que deverão ser higienizadas e acrescente água até que elas fiquem imersas. Em seguida, acrescente uma colher de água sanitária para cada litro de água colocado no recipiente.

É preciso deixar os alimentos que estão sendo higienizados nessa solução, por aproximadamente 30 minutos.

Além da água sanitária, é comum também o uso de vinagre para fazer a limpeza de verduras, porém ele não é recomendado. Isso porque o produto apenas contribui para a eliminação da terra e da sujeira das hortaliças, mas não faz uma limpeza completa, como matar as bactérias. Por isso, nunca substitua a água sanitária pelo vinagre.

Também é importante ressaltar que a água sanitária escolhida para a higienização deve ser registrada no Ministério da Saúde.

Mergulhe as verduras em uma solução com bicarbonato de sódio

As verduras que são consumidas com casca precisam ainda passar por um processo adicional, sendo mergulhadas em uma solução de água e bicarbonato de sódio.

Para isso, deve ser feito o mesmo processo da etapa anterior e as verduras devem ser colocadas em outra bacia ou tigela, sendo cobertas por água, acrescentada de uma colher de sopa de bicarbonato de sódio para cada litro de líquido.

A imersão na mistura deve ter duração de aproximadamente 20 minutos, sendo desnecessário deixar as verduras mergulhadas por mais tempo do que isso.

Faça o enxágue corretamente

Após realizado todo o processo, é preciso que seja feito o enxágue de todas as verduras, de modo que elas fiquem bem secas quando forem organizadas nas gôndolas para venda.

É importante que a secagem seja muito bem-feita, pois se esses alimentos permanecerem molhados, a proliferação de bactérias pode ser muito mais acentuada. Esse detalhe, muitas vezes, é passado despercebido ou ignorado, o que pode acarretar danos e perdas para o seu negócio.

Extra: a importância da higiene alimentar para a saúde

higiene alimentar é bastante relevante para a conservação da saúde das pessoas. Por isso, é responsabilidade dos donos e gerentes de estabelecimentos que comercializam alimentos, contribuir totalmente com esse processo.

A correta alimentação evita e impede que os indivíduos desenvolvam doenças, como a contaminação alimentar, a diarreia, os vômitos, a febre e até outras mais graves, como a hepatite e o botulismo. Essas doenças, causadas por bactérias, precisam ser prevenidas, principalmente entre as crianças e os idosos, que tem o sistema imunológico mais debilitado.

Outro ponto importante, quando falamos na higienização alimentar, são os agrotóxicos utilizados no cultivo de frutas e verduras. Embora eles tenham seus efeitos amenizados quando os alimentos são higienizados, eles nunca são totalmente eliminados e podem, em longo prazo, se tornarem nocivos para os consumidores.

Por esse motivo, apostar na venda de verduras orgânicas pode ser uma boa alternativa para o seu negócio. Afinal, cada vez mais as pessoas estão se preocupando com esse tipo de questão e evitando o consumo de alimentos com agrotóxicos.

Em resumo, saber como higienizar verduras é uma responsabilidade de qualquer comerciante desse tipo de produto, pois o que está em jogo não é apenas a aparência e a qualidade do item colocado à venda, mas sim a saúde dos consumidores.

Esperamos que este artigo tenha sido útil para você e que, de certa forma, contribua para o seu negócio. E lembre-se, caso você tenha alguma sugestão ou queira contar sua experiência no ramo, deixe seu comentário no post! Até a próxima.

 

Powered by Rock Convert