Como escolher fornecedores de alimentos para restaurantes?

Em qualquer tipo de negócio, a relação entre o empreendedor e fornecedor deve sempre ser a melhor possível, de modo em que ambos obtenham resultados satisfatórios, o que não poderia ser diferente no ramo gastronômico. Sendo assim, como é possível escolher os melhores fornecedores de alimentos para restaurantes?

Em um primeiro momento, pode até parecer algo corriqueiro. Todavia, essa escolha trata-se de uma decisão que afeta diretamente o bom funcionamento de um empreendimento e, por isso, deve ser feita com bastante atenção, levando em consideração uma série de critérios e fatores.

Pensando nisso, no artigo de hoje vamos explicar ao leitor como a escolha de fornecedores de qualidade é fundamental para o sucesso do seu restaurante, além de apresentar 5 dicas para que você tome sempre as melhores decisões no que diz respeito a esse quesito. Acompanhe:

Por que escolher bons fornecedores é fundamental?

Quem possui um empreendimento sabe que uma das principais chaves para o sucesso é agradar e satisfazer os clientes, fazendo com que esses tenham sempre experiências positivas em seu negócio.

Para que isso aconteça, no entanto, é necessário prestar e oferecer serviços e produtos de qualidade inquestionável. A partir desse raciocínio, é possível começar a compreender a importância que os fornecedores de alimentos têm para um estabelecimento do ramo gastronômico.

Isso porque, em um restaurante, proporcionar refeições que conquistem o paladar dos consumidores significa que as matérias-primas, ou seja, os ingredientes utilizados para a produção dos pratos, são de boa procedência. 

Em momentos de retração e instabilidade financeira, o custo deve ser um fator importante no que diz respeito à escolha de fornecedores de alimentos. Contudo, ele jamais deve ser a única condição, afinal, é necessário focar também na segurança e qualidade das mercadorias. Mais do que isso, os fornecedores devem atender com profissionalismo e pontualidade todas as demandas solicitadas, aliando isso a um preço justo.

Abaixo, separamos algumas dicas primordiais para que você acerte na escolha de seus fornecedores: 

1. Entenda as necessidades do seu negócio

Antes de formar qualquer parceria com algum fornecedor, é importante que você conheça perfeitamente as características e exigências do seu negócio. Isso torna a relação com os fornecedores mais prática e eficiente, evitando também que quantidades errôneas de mercadorias sejam solicitadas por você. 

Sendo assim, mapeie primeiramente as necessidades do empreendimento. Quais alimentos precisam ser entregues pela manhã? Quantas hortaliças são suficientes para atender a demanda dos clientes? Ter em mãos essas informações definitivamente tornará a sua busca mais fácil, uma vez que você já saberá exatamente os critérios a serem apresentados aos fornecedores. 

2. Conheça bem os fornecedores de alimentos para restaurantes

Para se sentir mais tranquilo em relação ao serviço a ser adquirido, conhecer de perto os fornecedores de alimentos para restaurantes é algo que você deve fazer para garantir que as melhores decisões sejam tomadas.

Para isso, veja, por exemplo, se o trabalho do fornecedor em questão atende às normas de higiene e preza pela integridade e conservação dos alimentos. Procure saber também como é feito o transporte das mercadorias, qual o tipo de embalagem utilizada para que fiquem bem preservados até o momento da entrega e em quais as condições se encontram as instalações utilizadas para o estoque. 

Você pode, inclusive, agendar uma visita para conferir de perto todas essas questões. Assim, você conseguirá verificar com clareza qual é a qualidade dos alimentos a serem adquiridos e se eles atendem aos critérios do seu estabelecimento. 

3. Avalie o custo-benefício

O custo-benefício é, talvez, um dos fatores mais considerados pelos donos de restaurante ao buscarem por novos fornecedores. Mas, afinal, o que realmente significa ter um custo-benefício satisfatório? 

Aqui, o mais importante não é o custo em si, mas sim a qualidade total dos produtos a serem adquiridos. Isso quer dizer que os melhores fornecedores não serão apenas aqueles que oferecem preços mais baratos, e sim aqueles que apresentam produtos a preços justos e que possuam qualidade o suficiente para que os pratos sejam preparados da melhor maneira possível para os clientes. 

Sendo assim, avalie, em conjunto, fatores como prazo, qualidade e preço quando for escolher um fornecedor. 

4. Converse com outros clientes do fornecedor 

Saber a opinião de outros donos de restaurante sobre o trabalho do fornecedor é crucial para que você tome uma decisão satisfatória, afinal, nada melhor ouvir quem já conhece um determinado serviço sobre ele, certo? 

Dessa maneira, procure saber com outros clientes detalhes fundamentais como: 

  • padrão de qualidade dos alimentos oferecidos;

  • pontualidade e eficiência na entrega;

  • possíveis problemas ou dificuldades enfrentadas;

  • flexibilidade para negociar;

  • prós e contras do serviço. 

Assim, você terá as informações necessárias para tomar as decisões que mais se adéquem à rotina e exigências do seu restaurante. 

5. Negocie

Como mencionamos acima, um bom fornecedor deve estar aberto para negociações. Dessa maneira, nada de fechar negócios e parcerias com o primeiro fornecedor que aparecer em sua pesquisa sem antes tentar negociar. Além disso, não deixe de fazer orçamentos com empresas diferentes.

Demanda, prazos, condições de entrega e pagamentos são alguns aspectos que podem ser discutidos e reavaliados em conjunto nesse contexto. Além disso, quanto maior for a sua demanda por determinado tipo de mercadoria, maior poder de negociação se concentrará em suas mãos. 

Lembre-se, no entanto, de que saber abrir mão de alguns detalhes e ceder em determinadas ocasiões faz parte do processo de negociação. Sendo assim, continue buscando sempre por aquilo que melhor atende o seu restaurante, mas tente entender o lado do fornecedor, que, assim como você, precisa sair em vantagem nesse acordo. 

Como você pode perceber, optar por bons fornecedores de alimentos para restaurantes é uma decisão que vai influenciar diretamente a qualidade, o bom funcionamento, o sucesso e até mesmo a reputação de um empreendimento. Dessa forma, considere as dicas mencionadas no post para fazer sempre ótimas escolhas e parcerias para o seu negócio.

Se você gostou do artigo de hoje e quer ficar sempre por dentro de novidades interessantes e conteúdos do mundo gastronômico, não deixe de curtir a nossa página no Facebook

Deixe um comentário