Bares, café, ou restaurantes self service ou a la carte, principalmente situados em áreas de grande movimento comercial, precisam oferecer métodos variados para pagamento. Além dos comuns, como dinheiro, débito e crédito, é imprescindível trabalhar com cartões de alimentação.

Apesar de o benefício concedido por muitas empresas não ser obrigatório, ele é muito comum no Brasil pois acaba sendo um diferencial na valorização do funcionário. E como todas as pessoas precisam almoçar durante o expediente, não aceitar esse tipo de pagamento é um erro grave.

Uma pesquisa feita pela Sodexo, empresa que gerencia esse tipo de benefício, revelou que, no Brasil, 8 em cada 10 trabalhadores acaba com o saldo do cartão antes do fim do mês. O dado pode ter três análises diferentes. A primeira, apontada pela maioria das pessoas entrevistadas, é de que o valor disponibilizado pelo empregador seja insuficiente.

Já a segunda é que, pagando com o benefício, o trabalhador consome mais do que consumiria se tivesse que arcar com toda a conta, repete o prato, toma um suco ou escolhe uma sobremesa para fechar o almoço.

A terceira é que o funcionário pode utilizar o benefício nos momentos de lazer durante o fim de semana, e pagando a refeição não somente para ele mesmo como para alguém da família. Entretanto, o fato é que 100% dos empregados que recebem o benefício o utilizam até o fim.

E aí que você, dono de restaurante, precisa acender o alerta! A intenção de todo comerciante não é sempre aumentar o faturamento? Oferecendo esse tipo de pagamento, certamente as vendas vão crescer, pois você diversificará os métodos aceitos em seu restaurante e atenderá melhor um numero maior de pessoas.

Aliando as opções variadas com um serviço de qualidade e um preço justo, você tem tudo para conquistar cada vez mais espaço no mercado. Quer saber mais sobre os cartões de alimentação e quais você pode aceitar em seu estabelecimento? Confira os tópicos que listamos abaixo!

Fidelização de clientes

Oferecer esses tipos de pagamento traz muitos benefícios, tanto aos clientes quanto ao dono de restaurante. Se um funcionário recebe um cartão para utilizar durante o expediente, certamente vai procurar por um estabelecimento que o aceite para poder usufruir da vantagem oferecida por seu empregador. 

Por isso, oferecer esse tipo de pagamento não só agrada o cliente como também o fideliza, mostra que seu restaurante entende quais são as necessidades dele e que está disposto a fazer o necessário para que ele tenha uma boa experiência e, principalmente, retorne no dia seguinte.

Tipos de cartão

A principal diferença entre os cartões de alimentação e os de refeição está nos estabelecimentos parceiros. Enquanto o cartão de refeição só pode ser utilizado em restaurantes, lanchonetes, e bares que servem almoço, o vale-alimentação é aceito em supermercados, mercearias e sacolões.

Entretanto, existe uma ressalva. Os cartões de refeição, em geral, não podem ser utilizados para a compra de bebidas alcoólicas ou cigarro, mesmo que esses produtos sejam consumidos durante o almoço. Já o cartão alimentação, em alguns estabelecimentos, não pode ser utilizado para a compra de material de limpeza, por exemplo.

Enquanto o vale-refeição é um benefício individual que tem como objetivo garantir que o trabalhador tenha pelo menos uma refeição saudável e balanceada durante o dia, o vale-alimentação é um benefício que se estende à família do trabalhador. Ele substitui a cesta básica dando mais autonomia ao empregado, permitindo que o mesmo faça escolhas entre produtos que necessita ou deseja.

Como funcionam

Os cartões de alimentação são pessoais e intransferíveis. Eles funcionam como cartões de débito comuns, porém têm aceitação restrita aos estabelecimentos relacionados com o benefício que o empregador pretende oferecer. É possível trabalhar com os dois tipos, como no caso de um supermercado que possua um restaurante vinculado.

Os cartões funcionam de forma semelhante aos de banco, sendo requisitados no momento em que o cliente for pagar sua conta, O valor é digitado na máquina de cartão (pode ser utilizada uma máquina específica ou mesmo as mais comuns, já difundidas no mercado como Cielo, Rede, entre outras). A transação é autorizada mediante inserção de senha e, no recibo do consumidor, ele pode verificar qual é o salvo que ainda está disponível no cartão.

Os empreendedores podem solicitar a antecipação dos recebíveis, acompanhar extratos e receber todo o suporte online das empresas fornecedoras dos cartões. Além disso, são presenteados com adesivos, banners e outros tipos de publicidade para poderem espalhar pelo estabelecimento informando aos clientes que os cartões de alimentação são aceitos.

Empresas que fornecem

As principais empresas que fornecem esses cartões são a Alelo e a Sodexo. Apesar de serem concorrentes, nada impede um estabelecimento de trabalhar com as duas marcas. Assim como os cartões de crédito possuem diferentes bandeiras, os de alimentação e refeição também.  Ambas trabalham de maneira semelhante, oferecendo os mesmos benefícios tanto aos consumidores quanto aos donos de estabelecimentos.

O interessante para o empreendedor é tentar oferecer o máximo de opções possíveis aos clientes, desde que elas sejam seguras. Dessa forma, ele se resguarda quanto a possíveis reclamações e consegue proporcionar um bom serviço a um número maior de pessoas.

Empreender no ramo alimentício é um desafio. Entretanto, tendo ao seu lado bons fornecedores de produtos, funcionários competentes e motivados, um cardápio variado e de qualidade, um espaço agradável e aconchegante, boa localização, preços justos e, principalmente, entendendo quais são as necessidades dos clientes e fazendo o que estiver ao seu alcance para atendê-las, você certamente terá sucesso.

E oferecer cartões de alimentação é imprescindível para proporcionar aos consumidores uma experiência positiva e permitir que usufruam do vale concedido pelo empregador de maneira satisfatória.

O resultado disso é uma fidelização maior de pessoas, que vão contar aos colegas de trabalho sobre a possibilidade de utilização do benefício em seu restaurante e a qualidade do serviço prestado,  vão voltar no dia seguinte.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre cartões de alimentação, que tal assinar nossa neswletter? Você vai receber conteúdos importantes que te ajudarão a deslanchar no mundo dos negócios!

Powered by Rock Convert