Seja de pequeno ou grande porte, quem trabalha no ramo da alimentação sabe o quanto as balanças são importantes em diversos processos. A variedade de tamanhos e marcas disponíveis é grande e isso pode ser um fator que acaba dificultando durante a compra, afinal de contas, entre tantas opções de balança de cozinha, qual a melhor?

As balanças são um excelente aliado para evitar desperdícios de ingredientes e também para calcular e porcionar os alimentos para que não corra o risco de em uma mesma mesa vir dois pedidos exatamente iguais, mas com a carne maior em um prato e menor em outro.

Para as confeitarias, principalmente as que trabalham com receitas refinadas, como os macarons, que necessitam que todos os ingredientes tenham um peso exato, ter uma balança é quase tão importante quanto fazer doces deliciosos.

Para que você não tenha dúvidas no momento da compra, continue a leitura do nosso post!

O que é e como funciona uma balança de cozinha?

Não importa se a balança é para uso comercial ou pessoal, todas as balanças têm a mesma função, saber o peso exato das coisas. E na culinária elas acabam se tornando itens de extrema necessidade. 

Claro que existem várias formas de calcular a medida de determinado ingredientes, como com o auxílio de colheres ou de copos dosadores, mas nenhuma delas é tão precisa e certeira quanto as balanças. Mesmo que um único copo seja usado em todas as receitas, as chances de erro são de pelo menos 30%, sabia?

Açúcar, farinha e ingredientes secos em geral correm um risco de ficarem aerados ou até mesmo comprimidos de acordo com diversos fatores como clima, transporte e armazenagem e isso muitas vezes influencia nas medidas. O uso de balança nesses preparos evita que uma receita dê errado por algumas gramas a mais ou a menos.

Quem cozinha em casa, esporadicamente, pode achar que talvez ter uma balança seja um artigo de luxo ou até mesmo de enfeite na bancada, mas para cozinhas de restaurantes ou para quem faz receitas a domicílio para vender, elas são aliadas quase tão importantes quanto ingredientes de qualidade.

balança de cozinha

Qual a diferença entre a industrial e a comum?

Mas se todas as balanças têm a mesma função, que é calcular a medida exata dos ingredientes, qual a diferença entre uma industrial e uma comum? A principal diferença entre elas está na capacidade de pesagem.

Geralmente as balanças comuns tem capacidade máxima entre 5 e 10 kg, já as industriais aguentam um volume muito maior, com opções que chegam a 30 kg e até a 300 kg. Claro que a capacidade e o tamanho influenciam também no valor, por isso que os modelos industriais são bem mais caros em relação às de uso comum.

Digital x Mecânica

Além de serem diferenciadas entre comum e industrial, as balanças também são separadas entre digitais e mecânicas. Mas como saber qual a melhor?

Mecânicas são aquelas analógicas que tem os ponteiros, mesmo que sejam as mais precisas possíveis, os ponteiros podem acabar dificultando no momento da conferência do peso. A vantagem delas em relação às digitais está na resistência, então para quem necessita pesar um grande volume de alimentos, elas podem ser as mais indicadas. Além de não necessitarem de energia elétrica para funcionar.

Já as digitais, como o próprio nome já sugere, são mais modernas e mostram informações como quantidade de alimentos, tipo de medida e muito mais em um visor eletrônico, sendo mais fáceis de usar e simples de conferir. Essas balanças são divididas em tipos e cada uma tem uma função ou uso diferente.

Tipos de balanças digitais

Conheça um pouco sobre alguns tipos de balanças digitais para cozinhas industriais:

  • Pesadora: esse modelo é mais compacto, mas aguenta até 30 kg, o que é considerado uma boa quantidade para uso em restaurantes e outros estabelecimentos do ramo da alimentação. Por não ser tão grande, a balança pesadora é ótima para calcular bifes e medalhões de carnes e outros alimentos em pequenas quantidades. Elas são precisas e mostram até os gramas exatos;
  • Alta precisão: esse tipo, como o nome já sugere, é de alta precisão e evita erros, por isso é a mais indicada para o uso em confeitarias e panificadoras. Ela é mais precisa que as demais pois pesa de 1 em 1 grama;
  • Plataforma: a balança de plataforma tem uma alta capacidade de volume, aguentando até 300 kg, mas a sua diferença em relação às outras está não só no tamanho como na falta de mobilidade, já que ela deve ficar sempre em cima de uma bancada ou de uma superfície plana;
  • Etiquetadora: essas balanças etiquetadoras contam com um sistema que imprime em uma etiqueta adesiva informações como o peso e o valor que será cobrado. Elas são usadas em supermercados, mas também em restaurantes que trabalham com a modalidade de buffet a quilo, em que o cliente se serve do que quiser e depois pesa o prato;
  • Computadora: as balanças computadoras tem a mesma função das etiquetadoras, mostrar o peso e o valor a ser pago, a diferença está que elas são menos tecnológicas e não imprime a etiqueta, sendo necessário anotar em uma comanda o valor do prato do consumidor em um restaurante a quilo.

balança para cozinha

Critérios de compra

Agora que você já sabe como funciona uma balança e conhece os tipos diferentes de um único produto, veja algumas dicas e critérios que devem ser levados em consideração quando você for adquirir uma para o seu estabelecimento.

Tipo de negócio e uso da balança

Antes de tudo, o principal critério e que será o que guiará a sua escolha é ter em mente o seu tipo de negócio e de que forma a balança será usada. Se você costuma pesar alimentos em grande quantidade e que fazem parte do seu estoque, as balanças de maior capacidade são as mais indicadas. Mas se o uso é durante o preparo das receitas, as pesadoras ou de alta precisão podem ser a melhor escolha.

Bateria

A bateria é outro fator que deve ser analisado, ainda mais quando o uso é frequente. Alguns modelos contam com baterias de alta duração, já outras usam a eletricidade para o funcionamento.

Capacidade de armazenamento e memória

As balanças digitais, principalmente os modelos mais modernos e tecnológicos, contam com uma memória interna para guardar as informações do que está sendo pesado. Se o seu negócio é do ramo a quilo ou de padarias e confeitarias, que é necessário pesar diferentes tipos de bolos, tortas e outros produtos, uma balança com grande quantidade de armazenamento de códigos é a mais indicada.

Selo do Inmetro

O Inmetro é o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, ele é responsável pela fiscalização e verificação de produtos de medida, garantindo um padrão de qualidade. Para isso, o órgão tem diversos critérios e exigências, como a portaria 236/94. Todas as balanças precisam estar de acordo.

Todas as balanças aprovadas contam com placa de identificação, lacre e o selo do órgão. Entre as informações presentes na placa de identificação estão: o modelo, marca e fabricante, data de fabricação, número de série, carga mínima e máxima, portaria, entre outros.

Logo após a fabricação, as balanças passam por uma inspeção minuciosa dos fiscais do Inmetro. No Brasil, elas só podem ser comercializadas com o selo de aprovação.

Com todas essas informações a compra da sua próxima balança será muito mais fácil e segura. Então não esqueça de avaliar qual será o uso, a capacidade e principalmente se o produto está com o selo do Inmetro.

Gostou das dicas? Aproveite também para ler o nosso conteúdo sobre fotografia de alimentos e aprenda dicas para deixar os clientes com água na boca só de olhar as imagens no cardápio ou redes sociais. Até o próximo post!

banner equipamentos castellmaqPowered by Rock Convert